18 de setembro de 2017

A Luz

Brilha longe como um farol...
É a direção, siga
São tantas perguntas sem respostas.
Tantos caminhos sem estradas
longe
Talvez, como diz o certo autor: longe é o lugar que não existe
O vento canta na janela
Passa sem direção
chaga ao seu final
Anda com muita velocidade
feito os pensamentos que viajam pelo tempo.
A imaginação cria e faz
A luz brilha bem mais perto
A final o dia terminal
Dorme para um novo dia
Novos pensamentos e esperanças.
E assim se faz ....

13 de setembro de 2017

A Calmária!

Passou, silenciou
As ondas baixaram e o mar acalmou
A aflição bateu a porta
O sino tocou
A dor chegou, mas se foi..
O mundo ficou de pernas para o alto
Parecia que não tinha fim
Tudo se encaixou em seu devido lugar
A sensação de desamparo passou
A segurança voltou
A paz chegou..
Obrigada Senhor!