27 de janeiro de 2016

As ondas da fé

Igual as ondas do mar caindo e desmanchando ao vento
Tudo perdido e sem sentido
Nada esclarece a realidade
A vida sem sentido, dormindo sem saber o futuro
Mundo sem objetivos
O sono paralisante dos sonhos
Objetivos nem sabe se um dia existiu.
Morreram todos os sonhos
Parou no vazio do nada.

Nada sobrou, nem os pensamentos

Confesso que sonhei tão grande, queria tantas coisas.
Hoje vejo que tudo foi em vão, até os sonhos foi, bateu em retirada igual os pássaros das revoadas.
Vida cruel, bem que poderia ser diferente, mas cada dia é pior.
Hoje estou igual Augusto dos Anjos não vejo nada bonito só solidão.

A Vida!

A análise da vida
Os pensamentos cotidianos
Tudo entrelaçados
Perdidos, escuros, no vazio
Rolando como se fosse ondas
Viver assim é impossível.
A beleza da vida é para quem ver sem olhar.
Muitos passa por ela e nunca ver
Viver igual um sonambulo e não percebe nada.
Chega um dia e para e sem saber o que fazer dorme.
Sonha que a vida é diferente, bela e maravilhosa
Não tem coragem de da o primeiro passo.
Basta um passo, um de cada vez, mesmo devagar.

24 de janeiro de 2016

Tudo se Perde pelo Caminho da Vida

Até os grandes amores? Sim, eles são os primeiros a se perder pela vida.
As estradas são muitas, são vários caminhos cada um mais colorido que o outro.
A sedução é infinita.
Segue, segue sem olhar para trás, vá em buscar de teu sonho.
Corra pela vida, ela não perdoa e nem espera, seja rápido e urgente antes que passe e você fica.
O vento é mais lento que os sonhos, os sonhos tem pernas de avião e velocidade da luz.
Vai ficar parado (a) na esquina a espera de quê?
Quando os sonhos se perdem na vida já era não voltam nunca mais, é preciso sonhar novos sonhos..
Os sonhos são relativos, Relativos? Sim.
Ninguém ama, apenas acha que ama, são egoísta e sem coração, deixa tudo voar igual a fumaça.
Selia

As Cores o colorido! A vida..

Vermelho, arco Iris.
Todas as cores
Sol a brilhar, lua a caminhar
Vida a viver
Dias a chegar
Noites a dormir
Sonhos a realizar
Pensamentos a chegar
Vida a viver
Amor para amar
Saudade para relembrar
Alegria para multiplicar
Sorrisos para sorrir
Sorrisos brancos ao ar

Sem nada, vazio total da alma

Sem assunto
Sem palavras
Se desejo, sem nada
Mundo branco vazio e sem cor
Sem vontade
Sem desejo
Sem nada na mente
Mente vazia
Mente triste
Mente parada
Nada a falar ou declarar
Pensar ou sentir ou fazer
Nada, nada simplesmente nada!
Buraco negro
Mundo vazio de ideias e pensamentos.
Nada a falar ou pensar.
Sem Leo, sem Bia, sem lua e sem céu azul e muito menos estrelado.
Sem magia
Sem 15 anos
Nada, vazio total e pleno.

10 de janeiro de 2016

2016 primeira postagem!

Final do dia é triste como se tudo estivesse morrendo.
Sinto como se estivesse escapando algo das minhas mãos.
É uma sensação de  perda, mas em compensação a luz da esperança começa brilhar.
Um novo dia nascerá e com ele tantas alegrias e realizações.
Cada dia é tão diferente e a vida dá este presente.