13 de novembro de 2011

Dia bonito de céu azul

Hoje o sol voltou a brilhar e o céu ficou novamente azul, a chuva apareceu, mas logo foi embora, sabia que não tinha lugar para ela.

As praias quase cheias, muita gente tomou coragem e foi visitar o mar, ele sentia saudade de seus visitantes, queriam eles lá, estava sentindo muito sozinho, só a chuva fazia companhia, chuva é frio e sem colorido, o mar não gosta de frio, prefere o colorido dos biquínis, cangas e chapéus e barracas, do barulho dos vendedores ambulantes e de todos aqueles que vivem do comércio da praia.
Sentia falta das paqueras e dos grandes amores.
O MAR é vivo ele tem desejo, sente saudades, gosta de embalar nas suas águas os corpos dos apaixonados, as vezes ele arrasta para o infinito.

3 comentários:

  1. Olá Selia!
    Obrigado pela visita ao meu blog e pelo comentário elogioso. Estou por aqui também.
    Beijo no coração e volte sempre!
    Milton!

    ResponderExcluir
  2. Oie lindona.

    Amo o mar.

    beijos no seu coração ensolorado.

    ResponderExcluir
  3. Oie lindona

    Passando pra te desejar um ótimo fim de semana

    beijos

    ResponderExcluir